sexta-feira, 17 de julho de 2009 Seu filho é sorvete ?

Se tem um programa que me deprime, é o Mais Você da Ana Maria Braga. O porque eu não sei, até vou com a cara dela, (se não fosse mudaria o quê ?) mas aquele programa não me desce. A pior parte é a tal da Mensagem do Dia, que ao invés de me motivar, me deprime mais ainda (como toda outra qualquer coisa que tenha por intuito me animar). Como estou trabalhando agora, todo café da manhã meu, é regado a tal mensagem ''animadora'' dela. Porém hoje não foi assim. Estava lá a atriz/cantora Marjorie Estiano, e estavam falando de um assunto que me chamou a atenção e até me fez discutir com a minha mãe. O congelamento de óvulos.

De inicio eu achava normal. A mulher não queria engravidar, e guardava lá igual sorvete os óvulos dela, pra quando ela quisesse engravidar era só descongelar, (igual minha mãe faz com mistura, descongela e a gente come =) mas tudo bem. Agora a onda é doar. Isso eu acho um absurdo. A tal famosa Barriga de Aluguel. A mulher gera um filho que não é dela. Gera e dá para a outra criar. Que ser imundo é esse? Passa por uma gestação, um dos processos mais marcantes na vida de uma mulher, e dá para outra criar. Acho um absurdo, pois bem. E ainda temos as doadoras de óvulos que congelaram os mesmos feito sorvete e saem doando por aí, se dizendo caridosas com as mulheres que são estéreis. Minha mãe disse que foi ignorante dizendo isso, já que as mulheres estéreis não podem ter a honra de ser mães. Mas se não vai ter um filho "seu", porque não adota? Não é a mesma coisa?

Na minha opinião, acho que toda mulher tem o direito de querer ou não ter seus filhos, mas não acho certo sair doando por aí. Pensa no mundo de herdeiros que essa mulher pode ter. Daqui alguns dias tão vendendo óvulos. (hmmmm, isso pode render um romance, haha). Acho que com a evolução da tecnologia, deixaram de lado as tradições naturais de como devem acontecer as coisas (não, não sou puritano, mas muitos devem achar que sou ultrapassado por não ser tão a favor das inseminações artificiais ou qualquer outro tipo de coisa que faça uma mulher engravidar a não ser o "processo convencional") e por isso o mundo está do jeito que está. Sim, eu sei que a evolução da tecnologia traz beneficios imensos para nós, mas acho que congelar óvulos é demais. Afinal, eles não são sorvetes.

ao som de : audioslave - be yourself

12 outras vozes:

Lorrαne રodrιgues disse...

"processo convencioal" oaisoai, gostei disso e pra ser sincera, eu tbm sou contra. É claro que ue não vou promover nenhuma passiata contra isso e nem nada do tipo, afinal, cada um faz o que acha certo.

ótimo post Lú, beijos!

Lucas Alsil disse...

É claro que eu não vou promover nenhuma passiata contra isso e nem nada do tipo, afinal, cada um faz o que acha certo.[2]

Nunes, Fer! disse...

Doar o óvulo nao acho um absurdo não, o óvulo sozinho nao eh uma coisa tão importante assim....

Mas o caso da Barriga de Aluguel jah algo pra se questionar, acho muito certo não.....

Ótimo Blog!

juh s.e.p ϟ disse...

realmente eu acho um absurto tb que congele vidas como ser fosse sorvetes. shaus' mas assim eu creio que deveria adotar-se mais do que ficar doando ovulos pra gerar mais pessoas para o mundo. as pessoas deviam pensar mais nos outros, do que pensar só em si, ter um filho é uma dadiva, mas no fundo deviam observar que se qr ter um filho porque não adotar é a mesma coisa praticamente.

aah eu postei o cometário, qr q eu apague? pq seu msn tá lá, :p'
eu nem tô no msn. ja ja te adc. :*

Blog da Srtª Skellington disse...

POXA QUASE NÃO CONSIGO COMENTAR HEIM !
HA GOSTEI DO NOME DO BLOG , CURTI A POSTAGEM COM VIDEO LEGAL O BLOG HEIM !

Alle disse...

Ao ler isso, lembrei do filme Juno,
que aborda o assunto de barriga de aluguel, ele vai formar uma outra opinião da qual o texto do Lucas objetiva... Vejam vocês vão gostar!

Agora, zoando um pouco, se filho é
sorvete, o que seria picolé? ><

Tiago Dadazio disse...

TUDO VALE HEIN?

Vini e Carol disse...

Tantas crianças precisando ser adotadas por mães que não podem ter filhos e elas ao invés disso pagando pra outra por mais crianças no mundo, já temos bebês suficientes que não vivem com suas mães biológicas, porque não adotá-los ao invés de comprá-los?

Beijos, Carol

Vêh disse...

Não... é ficção! Ainda beem! =D

http://sobrenomeamor.blogspot.com/

Julio... disse...

OBRIGADO PELA VISITA E COMENTARIO..GOSTEI MTO!
=D

NUSS..TEXTO DEMAIS...
CONVESSO..Q EU TB TENHO PAVOR DAQLAS 'MENSSAGENS DO DIA'
KKKKKKKK

PARABÉNS PELO BLOG!

Megumi ~ disse...

BOm, não sei quanto ao Mais você, tenho pavor de TV aberta. Também não tenho vontade de ter filhos... não tenho nada contra doação de óvulos... mas, barriga de aluguel? a que ponto chegamos pelo dinheiro, não?... Concordo com você em algumas partes. Beijo

Gabriela Moura disse...

o programa da ana maria nao é nem de longe o precursos no assunto de conglamento de ovulos e, com td respeito, acho q sua visao ta meio deturpada...
nao to te criticando nao, viu, acho q vc tem uma opiniao q tem q ser exposta memso, mas o assunto nao é tansformar filho em sirvete, é se utilizar de uma tecnologia que, assim como as outras, tá aí pra ajudar.
se fosse assim, eu falaria "não sou frankstein pra receber parte do corpo de outra pessoa' e nao aceitaria fazer transplante caso fosse necessario.
já barriga de aluguel é outro caso, bem delicado, mas eu b respeito aqueles que escolhem este caminho. eu particulamente nao alugaria minha barriga pra gerar filho pros outros, nem alugaria a barriga d eoutra mulher pra gerar um filho meu, mas a gente nao sabe o tamanho de um sofrimento de quem quer ter filho e nao consegue, por isso nao gosto de julgar isso, é pessoal, cada um sabe de seu corpo. ;)